Terça-feira, 5 de Outubro de 2004

O SABER VIVER

Foto1.JPG

Cresce com o sofrimento

sofre com a dor

sente o sentimento

que o impede de ser pecador.

HÓRUS

publicado por Hórus às 23:48
link do post | comentar
26 comentários:
De Anónimo a 6 de Outubro de 2004 às 18:14
Sou colega do Carlos e como acabei agora mesmo o meu trabalho de introduzir facturas no SAPO a fim dos meus colegas tesoureiros puderem cobrar amanhã resolvi dar uma espreitadela ao teu blog...Na realidade deves ter tido um trabalho bem esforçado para conseguires em tão pouco tempo atingir uma qualidade bem notável para um principiante...Fiquei encantada com as tuas poesias! Sou de origem goesa e penso ter também uma alma romântica como a que tu fazes transparecer nas tuas frases. Vivi uma vida de sofrimento que parecia nunca ter fim...No entanto depois de tantas desventuras e sofrimento parece ter chegado a minha vez de entrar num porto de abrigo que me tem trazido a felicidade!!Este sentimento de felicidade não se obtém fácilmente...Por vezes agarra-se aqui um bocadinho e depois só bem mais tarde outro pequeno bocadinho...Vivemos muitas vezes em função desses bocadinhos de céu onde se vive intensamente até tudo se desvanecer novamente!!!Inocência
</a>
(mailto:inofernandes2@hotmail.com)


De Anónimo a 6 de Outubro de 2004 às 17:47
Zé,fiquei muito surpreendida com o teu blog! Gostei principalmente do romantismo e da sensibilidade que tu respiras em cada frase que escreves!! Num mundo-cão em que a nossa civilização bem transparece num dia a dia de frenesim, tão marcados pela maldade,cinismo,mentira,egoísmo,vaidade e outros sentimentos afins e tão desprezíveis como estes é bom entrar neste cantinho mágico da blogoesfera! Continua! Beijinhos!Paula
</a>
(mailto:jardinha@netcabo.pt)


De Anónimo a 6 de Outubro de 2004 às 17:39
Estou feliz por verificar que o teu blog vai crescendo em termos de participação e troca de ideias!Como podes verificar ao teu redor o sofrimento mora em todas as portas...Há que saber transformá-lo em algo que nos faça crescer em termos de sapiência e de resistência física e moral!A vida é uma dádiva tão importante que temos que mostrar sermos merecedores dela...Continua amigo, com muita fé e esse coração puro e simples de menino guerreiro!!Sardinha
</a>
(mailto:sardinha_952@hotmail.com)


De Anónimo a 6 de Outubro de 2004 às 17:18
Amigo,quem é que não sofre neste mundo? Faz parte da nossa condição humana e é sofrendo que a nossa alma engradece e vai caminhando em direcção ao nosso criador! Tens que sentir em ti o sentimento da esperança por dias melhores!! Eu também ando angustiado com alguns problemas que ainda não consegui resolver e vou aceitando a dor que me persegue há cerca de dois anos! Sinto-me uma pequena giesta sendo fustigada incessantemente pelos ventos em fúria duma tempestade que nunca mais parece ter fim! Ainda ontem me senti prostrado com o peso do sofrimento que me parece corroer o meu coração e o meu ânimo...No entanto a flexibilidade da pequena giesta há-de vencer os ventos cruéis da vida e há-de florir novamente na próxima Primavera!! O mesmo há-de acontecer contigo, meu bom amigo!!Carlos Perry
</a>
(mailto:carlosperry_645@msn.com)


De Anónimo a 6 de Outubro de 2004 às 16:40
Na realidade a dor é uma forma de nós crescermos como ser humanos! Deste modo podemos comparticipar na dor alheia dum amigo ou familiar e assim podermos compreendê-lo e confortá-lo porque também já estivemos na mesma situação...
No entanto a intensidade da dor sofrida deixa-nos por vezes marcas indeléveis e muito difíceis de cicatrizar...
Estou agora a lembrar-me dum livro que li muito recentemente e também te recomendo: "Souad - Queimada viva" onde nos mostra que a condição da mulher na Palestina é muito inferior á dos animais domésticos que são infinitamente mais bem tratados!! Ali o Inferno está de ambos os lados da fronteira!! Um grande abraço, meu amigo sincero! Procura sempre sentir o sentimento de purificação que te faz crescer e não te deixes abater para não escorregares para a valeta do pecado! Coragem e muitos beijos desta tua amiga!Maria José
</a>
(mailto:mariajose_956@msn.com)


De Anónimo a 6 de Outubro de 2004 às 13:37
Saber viver é uma virtude neste mundo composto de desordem. Vêr a maldade e enfrentá-la é caminhar por um caminho árduo. Viver pelo amor é saber viver. 1 abraço grande amigo :O)Hijo De La Luna
(http://hijodelaluna.blogs.sapo.pt)
(mailto:hijo_de_la_luna@sapo.pt)


Comentar post