Terça-feira, 28 de Setembro de 2004

A MINHA NOBRE DOR

Guerreiro que caminha por montes, caminhos e agitados cursos de água a transmitir a palavra mágica que se vê, mas tambem se ouve e se sente, de nome amor.
Guerreiro que luta em honra da liberdade e da justiça. Bravo ser que procura o caminho da felicidade, da harmonia e da fantasia de um mundo oculto pelo deuses em que só a pureza de seu coração alcança tal visão.
Cair de joelhos e chorar pela maldade existente neste mundo, não será um acto de fraqueza, nem cobardia mas sim de nobreza onde voltamos a ter força para levantar novamente e continuar em frente esta nossa dura batalha onde só a morte nos vai impedir de lutar por um mundo melhor.

( A MEA NOBILE DOLOR )

HÓRUS



publicado por Hórus às 00:07
link do post | comentar
13 comentários:
De Anónimo a 29 de Setembro de 2004 às 17:03
Na realidade assistimos hoje a tanta maldade e hipocrisia que temos mesmo necessidade de sermos nós próprios guerreiros para termos efectivamente um mundo melhor! Gostei da imagem do guerreiro caído por terra de joelhos, vergado pelo peso de tantas guerras e do cinismo existente na humanidade, mas que se ergue novamente para seguir em frente! Um abraço!anabela
</a>
(mailto:abento@iol.pt)


De Anónimo a 29 de Setembro de 2004 às 10:07
Tu és um guerreiro amigo... e vais ter força para lutar pelas tuas causas. Temos de ter força se queremos tentar chegar então mais alem. Não sei se serei a pessoa mais indicada para o dizer pois tambem tenho momentos fracos e daqueles em que me sinto sem forças para levar tudo para a frente, momentos em que não consigo ser aquele guerreiro que devia ser... Tu tens força e como tu dizes só a morte nos vai impedir de fazer aquilo que queremos...e de nos levantar...mas quem sabe um dia voltaremos em outra vida para afzer o que não foi feito, para ser o que hoje não somos, para realizar a nossa vida da maneira que muitas vezes nos impediram de a realizar...Um abração amigo ZézitoTiegas
(http://naturalezamuerta.blogs.sapo.pt)
(mailto:ruicsd@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Setembro de 2004 às 00:30
O teu percurso, por outras palavras, a tua vida, e também o teu ideal e aquilo por qual tu lutas. Muinto bonito amigo. E é assim que deves continuar a caminhar, luta sempre pelo amor, só ele nos dá força para enfrentar este mundo tangente a pobreza mental. Força e continua este arduo caminho que é viver. Sê feliz ao lado de quem gostas :O) 1 abraço :O)Hijo De La Luna
(http://hijodelaluna.blogs.sapo.pt)
(mailto:hijo_de_la_luna@sapo.pt)


Comentar post